Novas pesquisas comprovam a eficácia do Endocrown

Pesquisa publicada no Journal of  Endodontic por LIN, et al.*1, demonstra que o sistema de restauração de dentes tratados endodonticamente conhecido como Endocrown pode ser considerado tão eficiente quanto os sistemas convencionais de tratamento. O Estudo publicado no volume 35 da edição de outubro de 2009 do Journal of Endodontic avaliou o risco de falha deste sistema comparando uma onlay cerâmica obtida pelo sistema CAD-CAM, o sistema Endocrown e a restauração com coroa convencional. O método de avaliação utilizado foi o programa de avaliação conhecido como Método de  Elemento Finito. Segundo LOTTI, ET AL*2, este método é uma “análise matemática que consiste na discretização (discernimento) de um meio contínuo em pequenos elementos, mantendo as mesmas propriedades do meio original. A origem do desenvolvimento deste recurso ocorreu no final do século XVIII, entretanto, a sua viabilização tornou-se possível somente com o advento dos computadores, facilitando a resolução das enormes equações algébricas. O MEF pode ser utilizado em diversas áreas das ciências exatas e biológicas e, devido à sua grande aplicabilidade e eficiência, existem trabalhos com esta metodologia nas diversas especialidades odontológicas.”

Os resultados obtidos demonstraram que a probabilidade de falha foi de 27,5% para os pré-molares restaurados com onlays, 1% para os restaurados com o sistema Endocrown e 1% para os tratados com coroas convencionais. Os autores consideram que o “Sistema Endocrown é um método alternativo ao tratamento convencional com a vantagem que pode preservar o máximo de estrutura dentária, pois não necessita de desgaste para melhorar a geometria macro retentiva e ainda proporciona um resultado mais estético e eficiente.” Os autores evidenciam que novas pesquisas são necessárias para comprovar a eficácia deste sistema.

*1 J Endod, 2009;35:1391–1395

*2 R Dental Press Ortodon Ortop Facial 35 Maringá, v. 11, n. 2, p. 35-43, mar./abril 2006

Novas pesquisas comprovam a eficácia do Endocrown

Pesquisa publicada no Journal of Endodontic por LIN, et al.*1, demonstra que o sistema de restauração de dentes tratados endodonticamente conhecido como Endocrown pode ser considerado tão eficiente quanto os sistemas convencionais de tratamento. O Estudo publicado no volume 35 da edição de outubro de 2009 do Journal of Endodontic avaliou o risco de falha deste sistema comparando uma onlay cerâmica obtida pelo sistema CAD-CAM, o sistema Endocrown e a restauração com coroa convencional. O método de avaliação utilizado foi o programa de avaliação conhecido como Método de  Elemento Finito. Segundo LOTTI, ET AL*2, este método é uma “análise matemática que consiste na discretização (discernimento) de um meio contínuo em pequenos elementos, mantendo as mesmas propriedades do meio original. A origem do desenvolvimento deste recurso ocorreu no final do século XVIII, entretanto, a sua viabilização tornou-se possível somente com o advento dos computadores, facilitando a resolução das enormes equações algébricas. O MEF pode ser utilizado em diversas áreas das ciências exatas e biológicas e, devido à sua grande aplicabilidade e eficiência, existem trabalhos com esta metodologia nas diversas especialidades odontológicas.”

Os resultados obtidos demonstraram que a probabilidade de falha foi de 27,5% para os pré-molares restaurados com onlays, 1% para os restaurados com o sistema Endocrown e 1% para os tratados com coroas convencionais. Os autores consideram que o “Sistema Endocrown é um método alternativo ao tratamento convencional com a vantagem que pode preservar o máximo de estrutura dentária, pois não necessita de desgaste para melhorar a geometria macro retentiva e ainda proporciona um resultado mais estético e eficiente.” Os autores evidenciam que novas pesquisas são necessárias para comprovar a eficácia deste sistema.

*1 J Endod, 2009;35:1391–1395

*2 R Dental Press Ortodon Ortop Facial 35 Maringá, v. 11, n. 2, p. 35-43, mar./abril 2006

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s